3 minutos de leitura

A internet revolucionou o modo como as pessoas atuam profissionalmente, criando a possibilidade de se trabalhar remotamente, na própria casa ou em espaços alternativos ao escritório da empresa, como os espaços de coworking.

O trabalho home office traz muitas vantagens, como não precisar se deslocar para o trabalho e ter maior autonomia na gestão de tempo. Porém, também implica muitos desafios. É possível trabalhar em casa e ter privacidade? Como criar a própria rotina? O que fazer para evitar os indesejados ruídos domésticos? Qual a estrutura de trabalho necessária? O Coworking é uma alternativa viável?

Conheça, a seguir, quais sãos os cinco principais desafios do trabalho home office e saiba o que fazer para superá-los.

1. Tenha privacidade no trabalho home office

Quem atua como home office, principalmente se mora com a família, sabe que é importante ter um espaço somente para o trabalho. Afinal, você precisa de privacidade e concentração. É preciso que todos que convivam com você saibam respeitar a sua rotina de trabalho e não interrompam suas atividades a cada instante.

Além disso, é interessante considerar a possibilidade de utilizar espaços de coworking para receber os clientes. Alguns desses espaços possuem salas reservadas exclusivamente para o atendimento aos clientes.

2. Cuide da sua rotina profissional

Ainda que você tenha autonomia de horários, precisa ter uma hora para começar e uma para terminar seus afazeres. Para trabalhar como autônomo, é preciso ter muita disciplina, ser organizado e objetivo.

É difícil estabelecer uma rotina quando se é interrompido a cada instante durante o trabalho. E isso fica ainda mais difícil se você trabalha no conforto de casa, de pijama e com pausas para assistir à Netflix!

3. Reduza os barulhos domésticos

Trabalhando em casa, você pode criar seu próprio ambiente de trabalho – e procurar fazer com que ele seja o mais agradável possível. Conviver com barulhos domésticos, como o da máquina de lavar, choro de crianças, latidos de cachorro ou do aparador de grama do vizinho não contribui para que se consiga a concentração necessária.

Também não é fácil trabalhar com a TV ligada ou com o ruído de conversas. Procure encontrar um ambiente de trabalho tranquilo e silencioso. Aproveite o tempo dos intervalos para relaxar, alongar o corpo e praticar exercícios.

4. Invista na estrutura de trabalho

Quem trabalha home office muitas vezes tem dificuldade para acessar equipamentos de escritório necessários para realizar as tarefas diárias. Certifique-se de que terá à sua disposição ao menos os equipamentos básicos necessários.

Invista em uma boa conexão de internet, pois essa é importantíssima no trabalho remoto. Ter um ar-condicionado ou, pelo menos, um ventilador também ajuda. Ter uma boa cadeira e uma boa mesa também são muito importantes para evitar problemas posturais.

5. Opte por espaços de coworking

Nem sempre é fácil adaptar a vida pessoal à vida profissional. Optar por espaços de coworking possibilita que sejam evitados problemas de convivência com a família e contribui para projetar uma imagem mais profissional. Esses espaços costumam conciliar estruturas semelhantes às dos escritórios convencionais com ambientes mais descontraídos e confortáveis, como encontramos em casa. Com a popularização dessa alternativa é bem provável que você encontre um bem perto de onde você mora.

Como você deve ter notado, o trabalho home office traz alguns desafios, mas também muitas vantagens e pode ser muito gratificante. Seguindo as dicas desse artigo, você conseguirá migrar para o trabalho remoto com muito mais tranquilidade e eficiência.

E você, o que acha do trabalho home office? Acha que se adaptaria a esse tipo de trabalho? Ou prefere um espaço de coworking? Conhece pessoas que trabalham no modelo home office? Compartilhe esse artigo em suas redes sociais e ajude seus amigos a conhecerem um pouco mais sobre home office!