coworking em um imóvel próprio

Nos últimos meses nós recebemos aqui no Coworking Town um número enorme de e-mails e telefonemas de pessoas que querem montar um coworking em um imóvel próprio. Ter uma sala comercial que não está alugada é sinônimo de prejuízo e muitos proprietários estão buscando formas de rentabilizar estes espaços.

Eu separei aqui neste artigo algumas informações importantes para quem busca alternativas para uma sala comercial vazia.

Planejamento

Preciso começar te falando uma verdade: montar um coworking não é tão simples quanto parece e se você acha que a tarefa é fácil, eu sinto te desapontar! Muitas pessoas acham que basta ter mesas e cadeiras modernas, uma sala de reuniões, wifi, café e pronto. Mas se você quer ganhar dinheiro com coworking você precisa ir MUITO além disso!

De acordo com os resultados que temos aqui no Coworking Town, os proprietários de imóveis podem ter um faturamento até 8x maior do que um aluguel tradicional. Mas esse resultado requer muito esforço, dedicação e investimento!

Antes de abrir um coworking em um imóvel próprio você deverá ter em mente que precisará estudar bastante! Sim! Estudar o mercado, fazer um plano de negócio, estudar o local onde seu imóvel fica localizado, fazer um projeto de arquitetura pensando no aproveitamento do espaço, na estética e na funcionalidade do local quando a operação estiver rodando. Estas são algumas das coisas que você precisa definir antes de tirar a sua ideia do papel.

Investimento para montar um coworking em um imóvel próprio

Passada a parte de planejamento e levantamento das informações, você precisará fazer um investimento inicial. Mesmo que seu imóvel já esteja “pronto” e tenha mobília e ar condicionado, você vai precisar adaptar a estrutura para que o coworking te dê o retorno esperado. Será necessário investir em mobiliário adequado, infraestrutura de rede, criação de novos pontos de energia e até mesmo fazer alterações na estrutura e paredes. Ah! Você precisará de capital de giro para manter o negócio funcionando enquanto sua receita ainda não é suficiente para pagar as despesas.

Além deste investimento financeiro você precisará dedicar muito tempo a esse negócio para traçar e executar estratégias de aquisição de clientes, escolher e implementar sistemas de gestão e de atendimento, estruturar um processo de vendas, dentre outras coisas que ninguém te conta quando o assunto é montar um coworking.

Muita coisa, não é?

Franquia de Coworking

Uma alternativa bem interessante para você que é dono de um imóvel é abrir uma franquia de coworking! Na avaliação da Associação Brasileira de Franchising (ABF), de acordo com estudos do SEBRAE, a taxa de mortalidade de uma unidade franqueadora em 10 anos é de 15% enquanto para uma unidade independente é de 75%. Ou seja, a possibilidade de você ter sucesso sendo um franqueado é 5x maior do que se você resolver criar uma empresa de forma independente.

Se você não sabe muito bem como funciona uma franquia eu vou te ajudar. As franquias são modelos de negócios que já foram testados junto ao público. Ou seja, já foi feito todo o trabalho de pesquisa de mercado, de construção e validação do modelo de negócios, definição de público-alvo, busca de fornecedores, precificação dos serviços/ produtos, elaboração de processos e muitas outras coisas que a rede franqueadora já conseguiu definir ao longo de todo esse tempo em que está no mercado. Estas são informações valiosíssimas que você levaria anos para reunir. Uma falha em qualquer um destes pontos citados acima pode significar o fracasso de uma empresa! Ao decidir por esse modelo de negócio a rede franqueadora vai transferir para você todo o conhecimento que ela adquiriu ao longo de anos e você vai replicar o modelo de sucesso que ela desenvolveu e testou.

Se você quiser saber mais sobre como uma franquia do Coworking Town pode aumentar em até 8x seu potencial de faturamento com o imóvel, é só clicar no link abaixo e conferir as informações no nosso site.

Quer saber mais sobre como podemos ajudar a sua empresa com serviços de escritório sobre demanda? QUERO CONHECER OS SERVIÇOS!

Quer ser dono de um coworking com todas essas estratégias de satisfação e retenção de clientes? QUERO SER UM FRANQUEADO!